🏆🤖Clique aqui e participe da pesquisa Panorama da Inteligência Artificial Generativa no Brasil!
Guia Simplificado de Acessibilidade para Produtos Digitais em 2024

Guia Simplificado de Acessibilidade para Produtos Digitais em 2024

Se você está se perguntando o que é acessibilidade digital, você veio ao lugar certo. Neste guia, explicaremos o que é acessibilidade digital, por que é importante e como implementá-la em seus produtos digitais. Vamos mergulhar nos detalhes e fornecer dicas práticas para melhorar a acessibilidade do seu site, produto, aplicativo ou plataforma online. Lembrando […]

set 21 , 2023

Início Blog Página Atual
UX

Se você está se perguntando o que é acessibilidade digital, você veio ao lugar certo. Neste guia, explicaremos o que é acessibilidade digital, por que é importante e como implementá-la em seus produtos digitais. Vamos mergulhar nos detalhes e fornecer dicas práticas para melhorar a acessibilidade do seu site, produto, aplicativo ou plataforma online. Lembrando que este é um Guia Simplificado!

O que é UI e quando surgiu?

A UI, ou Interface do Usuário, já teve nomes diferentes no passado, como HMI (Interação Humano-Máquina). Inicialmente, era aplicada em contextos industriais e de automação para permitir a interação entre humanos e máquinas em fábricas, aeronaves e embarcações.

Hoje, a UI é muito mais ampla, abrangendo a interação em produtos como celulares, tablets, sites, aplicativos, jogos eletrônicos e muito mais. Ela se tornou essencial para garantir usabilidade e navegabilidade eficazes.

Como funciona o UI Design?

O principal objetivo do UI Design é criar interfaces intuitivas, atraentes e funcionais. Isso envolve a escolha de elementos visuais como cores, tipografia, ícones e layout, bem como a disposição de botões e menus. A usabilidade e acessibilidade também são consideradas para atender a diversos públicos.

Além disso, o UI Design não se resume apenas à estética visual, mas também à interação do usuário com a interface. Os designers de UI se concentram em garantir que a navegação seja fluida e que os elementos da interface respondam de maneira coerente aos comandos do usuário. Isso envolve a criação de protótipos interativos e testes de usabilidade para identificar possíveis melhorias. Além disso, o UI Design está em constante evolução, acompanhando as mudanças tecnológicas e as tendências de design para garantir que as interfaces estejam sempre atualizadas e proporcionem a melhor experiência possível aos usuários.

Para alcançar o sucesso no UI Design, os designers também precisam considerar a consistência em toda a interface, garantindo que os elementos visuais e de interação sejam uniformes em todo o sistema ou aplicativo. A colaboração próxima com equipes de desenvolvimento e de UX (User Experience) é essencial para criar uma interface que atenda às necessidades dos usuários e se alinhe com a visão do produto. Em última análise, o UI Design desempenha um papel fundamental na criação de produtos digitais que não apenas sejam visualmente atraentes, mas também proporcionem uma experiência de usuário excepcional.

O que é Acessibilidade Digital?

Acessibilidade digital é a prática de remover barreiras na web para garantir que todos, independentemente de suas habilidades ou limitações, possam acessar e utilizar sites, aplicativos, portais e soluções digitais de forma simples e eficaz. Isso é crucial porque as barreiras na web afetam principalmente as pessoas com deficiência, tornando muitas vezes impossível para elas acessar informações online. De acordo com o IBGE, cerca de 45 milhões de pessoas no Brasil têm algum tipo de deficiência, representando cerca de 23,9% da população.

A acessibilidade digital envolve a implementação de práticas e recursos, como texto alternativo para imagens, legendas em vídeos, navegação por teclado e designs responsivos, que tornam a web mais inclusiva. Além de cumprir diretrizes de acessibilidade, como as diretrizes WCAG (Web Content Accessibility Guidelines), a acessibilidade digital também se traduz em um maior alcance de público e, muitas vezes, em benefícios comerciais, já que uma interface digital acessível pode atrair um público mais amplo e diversificado, enriquecendo a experiência de todos os usuários. Portanto, a acessibilidade digital não é apenas uma obrigação ética, mas também uma oportunidade para empresas e criadores de conteúdo promoverem a equidade e oferecerem uma experiência online verdadeiramente inclusiva.

Os Princípios da Acessibilidade

Para tornar produtos digitais acessíveis a todos, é fundamental seguir os quatro princípios essenciais definidos pela W3 (World Wide Web Consortium):

1. Perceptibilidade: Os componentes e informações na interface do usuário devem ser apresentados de maneira que qualquer pessoa possa compreender.

2. Operabilidade: A interface e a navegação do usuário não podem exigir ações que sejam impossíveis para algumas pessoas.

3. Compreensibilidade: Todos os usuários devem ser capazes de entender as informações apresentadas no conteúdo digital.

4. Robustez: O conteúdo deve ser acessível e interpretável de forma confiável, mesmo com o avanço das tecnologias.

Níveis de Acessibilidade

Os princípios acima dão origem a diretrizes que vêm com diferentes níveis de conformidade:

  • Nível A: O nível mínimo de conformidade que deve ser alcançado.
  • Nível AA: O nível intermediário de conformidade que atende aos critérios do nível A e do AA.
  • Nível AAA: O nível mais sofisticado de conformidade que atende aos critérios dos níveis A, AA e AAA.

Tipos de Acessibilidade Digital

A acessibilidade digital abrange uma ampla gama de deficiências, incluindo físicas, sensoriais, cognitivas e até mesmo desafios de conectividade. Para atender a essas diversas necessidades, as melhores práticas de acessibilidade incluem:

  • Apresentação diversificada de conteúdo: Garanta que todos possam receber informações e entender seu contexto.
  • Conteúdo não textual com alternativas: Imagens e vídeos devem ser acompanhados de texto e/ou áudio descrição.
  • Facilidade de navegação: Melhore a experiência do usuário com recursos de teclado para aqueles com dificuldades no uso do mouse.
  • Legendas em vídeos: Inclua legendas ocultas para atender aos leitores com deficiência auditiva.
  • Textos alternativos em imagens: Certifique-se de que as imagens contenham descrições para leitores com deficiência visual.

A Importância da Inclusão Social

A inclusão social é um aspecto fundamental da acessibilidade digital. Um estudo realizado pelo Movimento Web para Todos revelou que menos de 1% dos sites no Brasil são acessíveis, apesar da Lei Brasileira de Inclusão exigir a acessibilidade em todos os ambientes. A falta de acessibilidade online continua a privar milhões de pessoas de informações essenciais.

Promover a acessibilidade digital não é apenas uma obrigação legal, mas também uma oportunidade de negócio. Sites acessíveis não só atendem às necessidades de pessoas com deficiência, mas também se destacam na internet e demonstram um compromisso com a inclusão social e a diversidade.

Vantagens da Acessibilidade Digital

As vantagens da acessibilidade digital são numerosas e beneficiam não apenas as pessoas com deficiência, mas também as empresas. Sites acessíveis:

  • Melhoram a visibilidade nos motores de busca, como o Google.
  • Oferecem uma ótima experiência de usuário para todos os visitantes.
  • Posicionam as marcas como apoiadoras da inclusão social.
  • Tornam as empresas mais competitivas e humanizadas.

Como Promover a Acessibilidade Digital

Promover a acessibilidade digital envolve a implementação de boas práticas. Algumas dicas incluem:

  • Garantir funcionalidades acessíveis usando teclado.
  • Realizar revisões com leitores de tela para verificar a adequação para pessoas com deficiência visual.
  • Incluir texto alternativo em imagens.
  • Incorporar legendas em vídeos.
  • Evitar elementos que possam confundir leitores de tela.
  • Oferecer atalhos de teclado e opções de áudio/texto para conteúdo não textual.
  • Garantir que os conteúdos permaneçam compreensíveis quando apresentados de formas diferentes.

Ferramentas para Navegação Inclusiva

Existem várias ferramentas que podem ajudar a tornar a navegação na web mais inclusiva:

  • BrowseAloud: Adiciona recursos de fala, leitura e tradução para sites, tornando a informação acessível.
  • DYNO Mapper: Permite criar mapas interativos de sites, facilitando a compreensão da estrutura.
  • Essential Accessibility: Ajuda pessoas com deficiência a usar a internet com mais facilidade.
  • Firefox: Um navegador web rápido e acessível preferido por muitos usuários com deficiência.
  • Hand Talk: Traduz conteúdos em português para Libras, promovendo a inclusão de pessoas surdas.
  • Jaws e NVDA: Leitores de tela para pessoas com deficiência visual.
  • WCAG ContrastChecker: Ferramenta para verificar o contraste de cores em conformidade com as diretrizes de acessibilidade.

Dicas práticas para projetar telas inclusivas

Confira algumas boas práticas de como você pode projetar produtos mais inclusivos para os usuários: Incluídos no espectro autista; Deficientes visuais ou com baixa visão; Deficientes auditivos ou surdos; Deficientes motores; Usuários com transtorno de ansiedade; Disléxicos.

Dicas de UX para usuários com espectro autista
Dicas de UX para usuários com ansiedade

Dicas de UX para usuários com deficiência motora
Dicas de UX para usuários surdos
Dicas de UX ao projetar para leitores de tela
Dicas de UX para usuários com dislexia

Conclusão

A acessibilidade digital é essencial para garantir que todos possam acessar e utilizar produtos digitais. Além de ser uma obrigação ética e legal, também oferece benefícios significativos para as empresas, incluindo uma melhor classificação nos motores de busca e uma imagem mais humanizada.

Na Zappts, entendemos a importância da acessibilidade digital e ajudamos empresas a otimizar seus produtos e plataformas para atender às necessidades de todos os usuários. Se você está buscando um parceiro experiente para melhorar a acessibilidade de seus produtos digitais, entre em contato conosco em zappts@zappts.com.br. Juntos, podemos tornar a web um lugar mais acessível.

Material da live – UX Design Workshop: Acessibilidade de Produtos Digitais

Live da Zappts sobre acessibilidade

A Zappts, empresa 100% remota, referência em consultoria e desenvolvimento de canais, plataformas e produtos digitais com foco na experiência do usuário e quality assurance, responsável por acelerar a Transformação Digital de grandes marcas no Brasil e no mundo, realiza em setembro de 2023 o Workshop “Acessibilidade de  Produtos Digitais”.

A escolha do tema tem como objetivo destacar a importância da acessibilidade digital. As barreiras encontradas na Web atingem, principalmente, pessoas com deficiência, o que, muitas vezes, pode impossibilitá-las de acessar certos conteúdos na internet.

>>> Baixe a apresentação da live, clicando aqui. <<<

Sobre a Zappts

Desde 2014 no mercado, a Zappts apoia marcas líderes em seus mercados, como a Porto, Getnet, BTG Pactual, Cateno, Ambev, Multilaser, Ultragaz, C&A e Burger King, entre outras. Com foco no desenvolvimento de software, especialmente em Front-end, UX Design, Quality Assurance e Gestão de Ambientes Cloud atua no planejamento, gestão e operação de serviços de desenvolvimento de soluções digitais corporativas, gestão de ambientes e transferência de conhecimento por meio da tecnologia da informação.

Somos uma empresa referência na criação de experiências digitais para os usuários, além de desenvolver soluções inovadoras e rápidas, atuamos em modelo 100% remoto, com equipes distribuídas em mais de 18 estados do Brasil.

Clientes da Zappts e ofertas

Para saber mais sobre como a Zappts pode ajudar sua empresa, clique aqui, e garanta um free assessment com nossos consultores tech.